30 novembro, 2009

Liberate the people that you hate..


[...]porque não é todo mundo que é capaz de entender a pulsão da dor, da morte, culpa e êxtase. O interessante é que não, que essa poesia corporal toda eu podia sentir sem ter o comportamento mimético, e isso me deixou profundamente satisfeita comigo mesma. Estranho também. Não consegui até hoje fazer o balanço do papel da automutilação na minha vida. Passou, mas está lá. Sobrevive a coisa das intensidades. Quando eu queria pesquisar isso, fui procurar em Artaud, mas não aprofundei. Precisava tirar um tempo e ler textos Machadianos pro maldito colégio.

28 novembro, 2009

O começo do começo


Já que as chances de uma gigantesca biografia póstuma são minimas!

Dismorphia












Past Tense


This is My Bloody Valentine.

Em meio à volúpia de sinestésicas descobertas (Um salve à natureza holìstica da percepção..) na virada de 2008, nada pôde me deixar em maior sensação de êxtase quanto a ultima produção de Alcest, intitulada Souvenirs D'un Autre Monde. Mas não é do projeto francês de Neige que vou falar hoje e sim do gênero do qual fa parte, uma mistura equilibrada de Black Metal (Oriundo de álbuns anteriores) e Shoegaze.


O Black Metal, velho companheiro de noites chuvosas já me era bem conhecido sim. Mas, quais seriam as origens do Shoegaze? Como pensado, era música pra quem canta olhando pros pés (Feito eu, vida inteira ouvindo pós punk sem ter hora pra acabar..).


A proeminente do estilo, My Bloody Valentine me encantou com o álbum Loveless (Foto) e me surpreendeu ao ser citada como influência pro Doom Metal de Type O negative.

Me deparei ontem com essa parceria do MBV com o Thom Yorke (Frontman do Radiohead) e resolvi postar aqui pra começar bem !
                                                                    Edun - Download





Sachez consommer avec modération.





Inexorável


Tacar gloss na sombra em pó.
(Mais uma dica que não te salva a vida, "mas quem sabe uma dia" ?)